Impulso News

Por Impulso News

Dias off ilimitados: controlar ou não, eis a questão! 💀

#73・
645

assinantes

79

edições

Assine minha lista

By subscribing, you agree with Revue’s Termos de Uso and Política de Privacidade and understand that Impulso News will receive your email address.

Impulso News
Dias off ilimitados: controlar ou não, eis a questão! 💀
Por Impulso News • Edição Nº73 • Ver na web
Toda semana, temos uma edição com conteúdos escritos e curados por Sylvestre Mergulhão, Karine Silveira e Rafael Miranda sobre Inovação, Liderança, Transformação Digital e Business Agility. Nessa semana, confira este artigo da nossa COO Karine (Kari) Silveira.

Desde o início da Impulso, adotamos uma política de dias off ilimitados porque sempre acreditamos que as nossas pessoas precisam ser protagonistas das suas carreiras, de suas vidas e terem autonomia para definir quando precisam de dias off, por qualquer que seja o motivo. 
Em tudo que fazemos, partimos da confiança.
Confiamos em todas as nossas pessoas. Se não confiássemos, elas não estariam na nossa equipa (usando um pouquinho de Português de Portugal para variar).🇵🇹
“Kari, isso significa que cada um faz o que quer?” — Não é bem assim.😊
Temos algumas regrinhas, mas são bem poucas:
  1. Para tirar um ou dois dias off, é preciso avisar ao time e alinhar essas datas (a não ser que seja uma emergência), afinal, o time precisa saber que não poderá contar com a pessoa naqueles dias. 
  2. Para uma quantidade maior (uma semana, um mês ou mais tempo) de dias off, sempre pedimos para avisar ao time com o máximo de antecedência, para que seja possível fazer hand offs tranquilos e nenhuma peteca caia durante a ausência da pessoa. 
No final, tudo reside no alinhamento com o time.🥰
“Como controlamos?” — Não controlamos.
Nada de planilhas, aplicativos ou canais de ausência. 👀
“Então, tudo funciona perfeitamente bem?”
— Que nada!!🙃
Sabemos que nem todo mundo consegue simplesmente ir ao médico, ao cinema ou passar uma tarde com uma amiga durante o “horário de trabalho”. Sabemos que algumas pessoas estão cansadas demais e não se permitem o descanso. 😔
No final das contas, entram em jogo sentimentos como culpa e experiências vivenciadas em outros ambientes de trabalho. Além disso, temos um time altamente engajado nos desafios da empresa, o que é maravilhoso, mas pode acabar fazendo com que algumas pessoas estiquem a corda. E não queremos isso. 
“Então, devemos passar a controlar a quantidade de dias off que cada pessoa tira? Estabelecer uma quantidade mínima de dias off por mês, por ano? Escolher um dia para todo mundo ficar off?”
— Não. Preferimos olhar caso a caso.
Lideranças conversando abertamente sobre isso, observando suas pessoas e sugerindo que tirem dias off, o time de Cultura, Pessoas & Pets reforçando a comunicação (com muitos exemplos) no onboarding e ao longo da jornada da pessoa com a gente. 
Melhor do que impor algo, é ajudar as pessoas a equilibrarem suas vidas profissionais e pessoais da maneira que acharem melhor. 
Burnout: como reconhecer os sinais?
Sociedade do cansaço
As coisas que você só vê quando desacelera
“Conhecemos o mundo apenas pela janela da mente. Quando a mente está agitada, o mundo também está. Quando a mente está em paz, o mundo também está. Conhecer a nossa mente é tão importante quanto tentar mudar o mundo.
Haemin Sunim
Curtiu essa edição?
Impulso News

Conteúdos sobre Inovação, Liderança, Transformação Digital e Business Agility, escritos e selecionados especialmente por Sylvestre Mergulhão, Karine Silveira e Rafael Miranda.

Para cancelar sua inscrição, clique aqui.
Se você recebeu essa newsletter de alguém e curtiu, você pode assinar aqui.
Curadoria cuidadosa de Impulso News via Revue.
Rua da Glória, 190, Sala 1002, Rio de Janeiro, RJ